sexta-feira, junho 21, 2024
InícioDestaquesComércio, restaurantes e igrejas podem funcionam até às 22h; bares e similares...

Comércio, restaurantes e igrejas podem funcionam até às 22h; bares e similares até às 20h

Paulínia e os 41 municípios abrangidos pelo  Departamento Regional de Saúde (DRS) de Campinas progridem de fase no Plano SP

Restaurantes, igrejas, comércio e prestadores de serviços de Paulínia agora podem funcionar até às 22h, enquanto que bares, similares e lojas de conveniência, as portas fecham mais cedo, às 20h com a nova reclassificação do Plano São Paulo para a etapa laranja a partir deste sábado (6).

Comércio e prestadores de serviços podem funcionar o máximo de doze horas por dia, com a jornada limitada até às 22h. Já o Paulínia Shopping pode funcionar doze horas por dia, até às 22h.

Enquanto que atividades religiosas em templos e igrejas também podem funcionar doze horas por dia, incluída a recomendação de que não participem crianças de até 12 anos de idade e de pessoas com mais de 60 anos de idade, pessoas com doenças crônicas ou condições de risco, bem como a realização de atividades festivas, culturais e educativas presenciais.

A fase amarela permite 40% de ocupação em academias, salões de beleza, restaurantes, cinemas, teatros, shoppings, concessionárias, escritórios e parques, com expediente de até dez horas diárias para restaurantes e 12 horas para as demais.

O atendimento presencial deve ser encerrado às 22h em todos os setores. Eventos que geram aglomeração, como festas, baladas e shows continuam proibidos.

Atualmente, a venda de bebidas alcoólicas em lojas de conveniência só pode ocorrer entre 6h e 20h. Somente a partir da fase verde, a mais branda, é que essa comercialização poderá voltar a ser feita sem as restrições atuais.

Os estabelecimentos acima mencionados deverão manter local permanentemente arejado e preferencialmente áreas externas de consumo local, bem como adotar o protocolo setorial sanitário específico, que engloba distanciamento mínimo de um metro e meio entre as mesas e de disponibilização de itens de higienização e de desinfecção. O uso de mascara continua obrigatório.

Todos os protocolos sanitários e de segurança para os setores econômicos devem ser cumpridos com rigor.

Confira as medidas de flexibilização responsável da quarentena e de segurança sanitária para contenção do coronavírus (Covid-19) no Decreto Municipal nº 7.976 de 5 de fevereiro de 2021 http://www.paulinia.sp.gov.br/uploads/semanarios/1586.pdf